domingo, 7 de agosto de 2011

Ronda Cibernética

De noite ou de dia, rondo a rede
A clicar e navegar
No meio de vários sites, e-mails
Você não está
Desligo o computador abatido
Desencantado da vida
Por te procurar.

Ah, se eu tivesse quem bem me quisesse.
Esse alguém me diria:
- Desiste dessa navegação doentia.

Porém com perfeita paciência
Volto a me conectar
Então te encontro plugada
Nesta madrugada, num blog de amar

Então, te peço licença e vamos clicar
- Vc quer tc comigo?

                                      Autor: Gilberto Fernandes Teixeira

Nenhum comentário:

Postar um comentário