segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Solitário coração de pedra.


Não!
Não quero mais diamantes
Solitários...
Nem quero diamantes de sangue.

Fogo no ar
Brilho intenso
Eterna paixão
Quero apenas cristais.

Quero trincá-los
Quebrá-los
E espatifá-los
Como vidros...

Não quero mais um coração de pedra
Ao meu lado...
Eu quero apenas um frágil coração
Um coração de amante...

Autor: Gilberto Fernandes Teixeira

Um comentário:

  1. Sera quanto vale um deste.Mas eu também prefiro as amantes...

    ResponderExcluir