domingo, 29 de setembro de 2013

Abismo.


Existe uma fenda em seu olhar
Um espaço a ser preenchido
Um desejo em forma de luz
Que penetra como ondas do mar

Seu corpo inatingível baila
Sobre as águas revoltas
Sobre os confins da terra
Em penumbras de almas perdidas

Você é vento
Você é brisa
Você é turfão
Você é furacão

Existe uma vastidão no seu olhar
Um espaço a ser preenchido
Que arrasta homens e sonhos
Para um abismo de mulher.


Autor: Gilberto Fernandes Teixeira

quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Tutti frutti.


Basta apenas você chegar
Com esse jeito
Com esse olhar
Com esse perfume

Basta apenas você chegar
Com esses cabelos
Com essa pele
Com esses lábios

Basta apenas você chegar
Com esse tom
Com essa voz
Com esse brilho

Basta apenas você chegar
Com essa cor
Com esse sabor
De picolé blue ice

Para o meu coração ficar tutti frutti.

Autor: Gilberto Fernandes Teixeira

sábado, 21 de setembro de 2013

Transformação.


Eu me transformo
Conforme os dias
Conforme as luzes
Conforme as sombras

Eu me transformo
Conforme as horas
Conforme as nuvens
Conforme o vento

Eu me transformo
Conforme os minutos
Conforme as cores
Conforme as palavras

Eu me transformo
Conforme os segundos
Conforme as perguntas
Conforme as respostas.


Autor: Gilberto Fernandes Teixeira

sábado, 14 de setembro de 2013

Vai-te

Vai-te
Por caminhos de letras
Por caminhos de sombras
Mete teus olhos por sobre as palavras

Ainda é tempo de conhecer
Tempo de sorrir
Tempo de sonhar
Tempo de esperanças

Vai-te
Segura o livro por entre os dedos
Sinta o cheiro do papel novo
Ouça a voz do seu coração

Vai-te
Leia e releia o mundo
Escreva a sua história
Seja muito feliz!

Autor: Gilberto Fernandes Teixeira

quinta-feira, 5 de setembro de 2013

Um dia a mais...


Mais um dia...
Na contabilidade da vida
São os mesmos raios do sol
Que ontem aqueceram a lagarta

Sim, mais um dia se passou
E tantas coisas mudaram
Tantas vidas se foram
Tantas vidas ficaram

Sim, foi apenas mais um dia...
Em que a metamoforse completou-se
A flor se abriu em primavera
E os sonhos voltaram coloridos.


Autor: Gilberto Fernandes Teixeira

domingo, 1 de setembro de 2013

Vagas


Aluga-se quartos!
Com janelas e portas
Com direito a fachada
Com direito a sacada

Aluga-se quartos
Há vagas sobrando
Nos átrios da poesia
Nos corações dos poetas

Há vagas, repito!
Vagas nos estacionamentos
Vagas nos apartamentos
Vagas nas vagas.


Autor: Gilberto Fernandes Teixeira